TecnologiaTurismo

Já existe um mapa que reúne as senhas de “Wi-Fi” dos aeroportos mundiais

Equacionar o planeamento de uma viagem sem smartphone é impensável — pelo menos, no milénio presente. Vivemos numa época em que a conexão virtual é um dado mais do que adquirido e, por isso mesmo, torna-se fundamental assegurar a sua viabilidade. Ora, para garantir e alimentar a partilha de conteúdos em rede de forma interrupta, o engenheiro informático e blogger, Anil Polet, decidiu fazer o levantamento das senhas de Wi-Fi dos aeroportos mundiais e colocá-las num mapa interativo. Sim, exatamente: as horas de espera entre voos foram encurtadas com a ajuda de um simples clique.

 

Até ao momento, foram reunidas passwords de redes sem fio de mais de 350 aeroportos, espalhados pelo globo. E o melhor de tudo? Como o mapa foi criado na aplicação Google Maps, as pessoas que não tiverem dados móveis podem acessar a toda esta informação de forma offline (desligados da rede) — basta que esta ferramenta seja aberta no motor de busca ou na extensão móvel, previamente.

 

Todos os dados presentes no mapa WiFox são constantemente atualizados. O turco Anil Polet conta com a ajuda dos leitores do seu blogue, FoxnoMad — Travel Smarter, que estão espalhados pelo mundo inteiro, para executar esta tarefa hercúlea de forma exímia e eficaz.

 

Guia de utilização para “navegadores”

Este mapa não poderia ser mais fácil de usar; tem um manual de instruções intuitivo. Para quem está por dentro das possibilidades tecnológicas, conseguirá fazer “navegações” sem sobressaltos. Para isso, basta entrar dentro da aplicação da GoogleNesta irá encontrar um mapa-mundo decorado com pequenos aviões azuis (ver imagem em baixo). Cada um desses itens representa uma cidade de um país que contém um (ou mais) aeroporto(s). Ao clicar em cima do avião, que assinala o local onde se encontra, irá surgir uma pequena descrição da rede sem fios disponível, com a respetiva senha. Muito fácil, não acha?

 

Exemplo dos aeroportos da Europa (imagem ilustrativa) — Imagem: Google Maps 

Para os curiosos que pretendem viajar dentro dos países lusófonos, deixamos uma nota especial: há senhas do Wi-Fi de Portugal (Lisboa, Porto e ilhas — Açores e Madeira); do Brasil (Belém, Recife, Brasília, São Paulo e Rio de Janeiro) e Angola (Luanda).

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *