Cabo VerdeCulturaDestaque

Cabo-verdianos fazem a “Maior Cachupa” do mundo e entram para o Guinness

Da persistência vem o sucesso, dizem os entendidos. Em 2015 os cabo-verdianos fizeram a maior cachupa do mundo. Além de querer tornar a iniciativa mais um dos pontos atrativos do turismo no país, o objetivo principal era também entrar para o livro dos recordes do Guinness.

 

Imagem: Reprodução Badja Ku Sol

A cachupa chegou a entrar para o Guinness em 2015 mas, no entanto, não foi homologada na altura, pois não havia uma balança de precisão para saber quantos quilos foram exatamente confecionados, o que inviabilizou a entrada formal.

 

Este ano é oficial. Cavibel, organizadora do festival Badja ku Sol  repetiu a iniciativa  que contou pela primeira vez com a presença de um representante do Guinness. O agente comercial da Guinness World Records, Fay Edwards, confirmou a entrada da cachupa nos recordes mundiais.

 

Imagem: Reprodução Badja Ku Sol

Esta conquista, segundo a organização, é a primeira entrada de Cabo Verde no livro dos recordes mundias. Além de ser uma mais-valia para o turismo cabo-verdiano, o intuito é promover a valorização da gastronomia local porque se trata do melhor prato que representa o país.

 

Sabores de Cabo Verde: aprenda a fazer uma cachupa tradicional

Previous post

Brasileiro leva luz para comunidades pobres em mais de 20 países incluindo Brasil

Next post

Angola: mudará o Presidente, mas manter-se-á a mesma política