AngolaCulturaPaísesPortugal

“É legítima a inserção de expressões angolanas no vocabulário português”

Durante o V Encontro de escritores de língua portuguesa, no âmbito das comemorações oficiais dos 439 anos da fundação da Cidade de Luanda, que decorreu ao longo de três dias e no qual participaram dezenas de autores lusófonos, entre os quais Pepetela, Manuel Rui Monteiro, Luís Cardoso, José Fanha, Conceição Lirma, o escritor, advogado e jornalista português José Eduardo Vasconcelos, defendeu que o vocabulário português tem sido enriquecido com vocábulos de origem angolana.

Nas palavras do próprio “embora palavras como ‘maka’ já estejam dicionarizadas, é interessante ver inseridas no vocabulário português expressões que representam com fidelidade a forma peculiar de os angolanos se expressarem”.

O autor reforçou ainda a necessidade de aplicação imediata do novo Acordo Ortográfico com vista a “tornar os conteúdos dos livros mais acessíveis, pela própria uniformização das palavras que o Acordo trouxe”.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.