EconomiaPaísesPortugal

Parceria luso-italiana investe 92 milhões de euros para procurar petróleo no Alentejo

(Imagem: Reprodução Alentejo Litoral)

O consórcio entre as empresas Galp Energia (Portugal) e  ENI (Itália) vai investir mais de 100 milhões de dólares (92 milhões de euros) na perfuração do primeiro poço de pesquisa em águas profundas em Portugal, ao largo de Sines, informou o presidente do grupo português.

Manuel Ferreira de Oliveira disse em Londres que o consórcio, onde a Galp Energia tem 30%, vai efectuar o furo este ano ou no início de 2016, embora as hipóteses de encontrar petróleo em quantidades com valor comercial sejam inferiores a 20%.

Mesmo em caso de descoberta comercial, o desenvolvimento de um projecto de produção demoraria no melhor dos cenários 15 anos até gerar os primeiros frutos, sublinhou Manuel Ferreira de Oliveira.

As informações são do portal Macauhub.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.