BrasilDestaqueSociedade

Incêndio de grandes dimensões faz um morto e destrói Museu da Língua Portuguesa

Por volta das 16:30 de ontem deflagrou um incêndio no Museu da Língua Portuguesa, em São Paulo, Brasil.

 

As causas do incêndio são ainda desconhecidas, mas devido aos materiais presentes no local (sobretudo madeira) este tomou proporções de uma grandeza impressionante.

 

Ronaldo Pereira, um bombeiro voluntário presente no museu à altura do início do fogo, tentou travar o avanço das chamas e acabou vítima das mesmas, tendo sofrido queimaduras graves em todo o corpo e falecido pouco tempo depois no hospital.

 

Para controlar o fogo que consumia os três andares do edifício foram mobilizados 37 viaturas dos bombeiros e 97 soldados da paz, e mesmo assim, foram necessárias várias horas para declarar o fogo como extinto e a situação como controlada.

 

Por esta altura ainda não é possível ter noção dos danos totais causados pelas chamas num edifício histórico datado de 1902, com uma área de 4,3 mil metros quadrados que perdeu o telhado.

 

Felizmente todo o acervo presente no museu era virtual e havia backups do mesmo, pelo que, será possível fazer a recuperação de tudo o que foi perdido na íntegra, como aliás, já foi anunciado pela Secretaria da Cultura do Estado de São Paulo.

 

Leya

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.