MoçambiqueOpiniãoPaísesPolíticaPortugalSociedade

Maputo vai celebrar o Dia de Portugal

O Consulado-Geral de Portugal em Maputo realiza no próximo dia 6 de Junho a festa do Dia de Portugal, que se enquadra nas celebrações do 10 de junho, conhecido como Dia de Portugal de Camões e das Comunidades Portuguesas, em que se assinala a morte de Luís Vaz de Camões em 1580, sendo também este o dia dedicado ao Santo Anjo da Guarda de Portugal, protetor do país, comemorado com um feriado nacional.

 

Durante o Estado Novo, de 1933 até à Revolução dos Cravos de 25 de abril de 1974, era celebrado como o Dia da Raça.

 

O 10 de Junho começou a ser particularmente exaltado com o Estado Novo, o regime instituído em Portugal que a partir de 1933 esteve sob a direção de António de Oliveira Salazar. Foi a partir desta época que o Dia de Camões passou a ser festejado a nível nacional. A generalização dessas comemorações deveu-se bastante à cobertura dos meios de comunicação social.

 

Até ao 25 de Abril de 1974, o 10 de junho era conhecido como o Dia de Camões, de Portugal e da Raça, este último epíteto criado por Salazar na inauguração do Estádio Nacional do Jamor em 1944. A partir de 1963, o Dia de Portugal tornou-se uma homenagem às Forças Armadas do país, numa exaltação da guerra e do poder colonial. Com uma filosofia diferente, a Terceira República converteu-o no Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas em 1978. Desde o ano 2013 a comunidade autónoma da Extremadura espanhola festeja também este dia.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.