BrasilCultura

O maior festival de cinema ao ar livre do mundo esse ano será em… São Paulo

Já está quase na hora de começar o filme no Vivo Open Air e o telão ainda está na posição horizontal. Em poucos minutos, no entanto, um moderno sistema hidráulico ergue os monumentais 325 metros quadrados (área equivalente a três espaçosos apartamentos de três quartos cada). Um show à parte, mas que é só o detalhe final de uma megaoperação de montagem.

Para dar conta das imagens gigantescas, o equipamento de som exige qualidade. E quantidade. No total são 28 caixas de som, que produzem um áudio digno de um grande show.

Transportado de lá para cá pelos continentes, o telão é guardado em 4 contêiners. Um total de 70 toneladas que atravessam oceanos para serem reerguidos por um guindaste e uma empilhadeira.

Vivo_open_air
(Imagem: Reprodução Vivo Open Air)
(Imagem: Reprodução Vivo Open Air)

Em 2002, entre outubro e novembro, os Jockey Club do Rio de Janeiro e São Paulo recebiam o evento que já havia se consolidado há muito tempo em outros lugares do mundo. Desde 1988, já era a sensação da Europa. E o tempo mostraria que ainda havia mais caminho a percorrer a partir dali.

Em 2014, o VIVO Open Air voltou ao Rio de Janeiro, depois de dois anos. Os cariocas adoraram recebê-lo de volta. Com o patrocínio da VIVO, o Open Air retorna ao Jockey Club de São Paulo, de 21 de outubro a 8 de novembro.

Confira a programação:

22 | Out > Dirty Dancing

23 | Out > Pulp Fiction

24 | Out > Jurassic Park + Jurassic World

25 | Out > Minions

Veja aqui a programação completa.

Fonte: Vivo Open Air

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.