BrasilDesportoPortugal

Dois dos três melhores jogadores do mundo, jogam em Espanha, são rivais e falam português

Hoje é um dia muito especial para todos os adeptos do Desporto-Rei. Porquê? Porque hoje às 17:30 de Lisboa) e 15:30 de Brasília, a FIFA vai anunciar em Zurique, na Suíça, o vencedor da Bola de Ouro 2016.

 

Nunca é demais relembrar que o prémio distingue o “melhor jogador do mundo” do ano civil anterior (não corresponde a uma época em específico, mas à última metade da temporada 2014/2015 e à primeira metade da temporada 2015/2016. Para compreender melhor esta ‘borrada’ recomenda-se a leitura DESTE artigo).

 

Os três finalistas deste ano têm muita coisa em comum. Todos jogam na Liga Espanhola (dois no Barcelona e um no Real Madrid), todos são latinos e dois deles falam a língua com mais bolas de ouro do mundo, a nossa.

 

O português Cristiano Ronaldo ganhou as últimas duas edições, mas parte em clara desvantagem para a sua némesis, o argentino Leo Messi que, juntamente com Neymar Jr., o brasileiro também nomeado, a época passada conquistou toda as competições mais importantes a nível de clubes (por ordem de importância: Liga dos Campeões, Liga Espanhola, Supertaça Europeia, Taça de Espanha e Mundial de Clubes FIFA – sim amigos da América do Sul, ninguém quer saber do Mundial de Clubes FIFA. Agora que já sabem, podemos prosseguir…), tendo ainda alcançado a final da Copa América, onde perdeu nos penalties para a equipa anfitriã do evento, o Chile.

 

Cristiano Ronaldo até marcou mais cinco golos que Messi a época passada e nesta já bateu o recorde de golos marcados na fase de grupos da Liga dos Campeões, tendo pelo caminho tornado o melhor artilheiro da história do Real Madrid, mas por isso já recebeu o justo prémio, a quarta Bota de Ouro da sua carreira, o galardão que premeia o melhor marcador dos campeonatos europeus.

 

Acho que Messi vai ganhar neste ano porque é um troféu decidido por votos. Fiz provavelmente a melhor época a nível individual da minha carreira e fui o máximo goleador da Europa, mas a Bola de Ouro decide-se por votos. É difícil. Não estou muito preocupado, nunca esperei ganhar três vezes e consegui
— Cristiano Ronaldo

Consciente das dificuldades em repetir a proeza das últimas duas épocas, o atleta nascido na Madeira já desvalorizou o resultado.

 

Não havendo grandes dúvidas de que o astro argentino será consagrado pela quinta vez como o “melhor jogador do mundo”, resta saber se Neymar Jr. vai conseguir alcançar o português e ultrapassá-lo nas intenções de voto, conseguindo colar-se ao seu colega de equipa no segundo lugar da lista.

 

 

 

O Prémio para melhor Jogador do Mundo é apenas um dos vários que serão entregues esta tarde pelo organismo que rege o futebol. Veja aqui a lista completa dos prémios e dos nomeados.

 

Melhor jogador do ano

Cristiano Ronaldo (Real Madrid)

Lionel Messi (Barcelona)

Neymar (Barcelona)

 

Melhor jogadora do ano

Carli Llooyd (EUA)

Aya Miyama (Japão)

Célia Sasic (Alemanha)

 

Treinador futebol masculino

Pep Guardiola (Bayern)

Luis Enrique (Barcelona)

Jorge Sampaoli (seleção do Chile)

 

Treinador futebol feminino

Jill Ellis (Estados Unidos)

Mark Sampson (País de Gales)

Norio Sasaki (Japão)

 

Melhores golos

Alessandro Florenzi (Roma)

Wendell Lira (Goianesia)

Messi (Barcelona)

 

Conheça aqui todos os vencedores da Bola de Ouro que falam português

 

Leya

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.