AngolaBrasilCabo VerdeCulturaEducaçãoGuiné-BissauMoçambiquePortugalSão Tomé e Príncipe

Há uma nova forma de falar sobre o racismo em português

A palavra racismo é polissémica, escrita e pronunciada em muitas línguas, mas será que já pensou em abordar este assunto numa única plataforma feita em língua portuguesa? A pensar nisso, um site concebido pelo jornal português Público e em colaboração com a Fundação Francisco Manuel dos Santos traz uma forma inusitada de falar sobre o racismo.

 

Com destaque para cinco países: Moçambique, Angola, Cabo Verde, Guiné-Bissau e São Tomé  e Príncipe, o portal mostra cinco viagens, cinco reportagens e mais de 100 entrevistas que contam como foi a presença portuguesa nas suas antigas colónias.

 

Foto: Público (Joana Gorjão Henriques)

Joana Gorjão Henriques, uma das mentoras da iniciativa, aborda sobre o lado esquecido do colonialismo afirmando que mais do que fazer julgamentos sobre se o que as pessoas contaram estava certo ou errado, interessou ouvir o que sentem e como olham para a discriminação racial exercida pelos portugueses durante o colonialismo e que cicatrizes permanecem.

 

Descubra aqui o portal e aprenda sobre o racismo na nossa língua.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.