Cabo VerdePaísesSociedade

Há vida para além do vulcão?

(Imagem: Reprodução Saulo Montrond/Reuters)

 

Sim, há. A resposta, ainda que não verbalizada, é dada pelos habitantes de Chã das Caldeiras, na Ilha do Fogo, em Cabo Verde, que começam aos poucos e poucos a tentar refazer a sua vida depois da tragédia que assolou a povoação.

Se a vida anteriormente já era dura, só piorou. As casas estão parcialmente destruídas e há algumas incertezas quando à fertilidade da terra onde antes já com dificuldade, se realizavam os trabalhos agrícolas, maior ocupação dos habitantes da ilha.

Por agora, as acomodações dão-se em casas arrendadas ou de familiares, com excepção de duas famílias que ainda se mantêm nas tendas provisórias disponibilizadas pela Proteção Civil.

Apesar da devastação provocada pela erupção, nem tudo é mau. Não houve baixas humanas, nem consta que haja quem esteja a sofrer perturbações psicológicas devido ao sucedido.

Em baixo, na reportagem da Voz da América, podem ouvir-se relatos na primeira pessoa sobre o regresso à Ilha do Fogo, o que já foi feito para se recuperar o que se perdeu, como estão a reagir as pessoas e o que falta ainda fazer para que a normalidade retome a Chã das Caldeiras.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.