BrasilMoçambiquePortugalSociedade

Moçambique é o país mais generoso da CPLP

Leya

 

Esta é uma das notícias que pouco podia ser imaginado que fosse verdade entre os próprios moçambicanos devido ao momento pouco agradável social e politicamente no país. Mas há um daqueles rankings mais inusitados que a própria notícia.

 

O facto é que Moçambique é o país da língua portuguesa melhor colocado no ranking dos países mais generosos do mundo, surgindo na 67ª posição, no conjunto de 140 países abrangidos pela pesquisa.  Quem o diz é o CAF World Giving Index 2016, que elaborou o ranking  dos países mais generosos do mundo.

 

A pergunta que se pode fazer é o que se entende realmente por “generoso”? Para esta listagem, são considerados o número absoluto de pessoas (entrevistadas) que afirmam que costumam efectuar doações para obras de caridade, voluntariado e ajudar pessoas estranhas.

 

Na Comunidade de Países de Língua Portuguesa (CPLP), Moçambique é seguido de perto pelo Brasil que está no 68º lugar no ranking geral. Portugal é o terceiro e último dos países de língua portuguesa avaliados, ocupando o 90º lugar no ranking geral.

 

Veja o estudo completo (em inglês)

 

A Birmânia é o país mais generoso: 91% da sua população doou dinheiro para caridade e 63% da população ajudou um estranho, contribuindo assim para a eleição do país como o mais generoso do mundo pelo terceiro ano consecutivo. Os Estados Unidos aparecem na segunda posição com 63% dos americanos a doarem dinheiro e 73% a ajudarem um desconhecido.

 

O inquérito do World Giving Index foi feito a 148 mil pessoas em 140 países. As contas são feitas com base no número de pessoas que fazem donativos, e não no montante total doado, e na quantidade de pessoas que praticam voluntariado.

 

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.