AngolaSociedade

No dia em que conhece a sua sentença Luaty Beirão diz crer que vai “voltar para um buraco”

Leya

 

Está agendada para hoje a leitura da sentença do processo dos 17 ativistas angolanos acusados de atos preparatórios de rebelião e associação de malfeitores

 

O julgamento deste caso teve início no dia 16 de novembro do ano passado, e, desde então, o Ministério Público angolano (MP) já deixou cair a acusação de atentado contra a vida do Presidente, José Eduardo dos Santos.

 

Os arguidos incorrem numa pena com uma moldura penal que vai dois aos oito anos de prisão, apesar de terem permanecido em prisão preventiva, primeiro efetiva e depois domiciliária (com início dia 18 de dezembro de 2015), desde junho de 2015.

 

Em entrevista ao Observador, Luaty Brandão, rapper luso-angolano, que conhecerá hoje a sua sentença, diz estar mentalizado de que vai “voltar para um buraco”.

 

“Tu até podes começar a imaginar a tua cela, como é a comida da prisão, como serão os outros presidiários […]Podes fazer isso tudo, mas, no final de contas, não há muita maneira de uma pessoa se preparar para ir para a prisão. A gente tem de ser pragmática em relação ao regime que temos e mentalizar-nos de que vamos voltar para um buraco. Não vou dar aqui uma de herói, mas eu pelo menos estou a mentalizar-me para a ideia de que vou preso. Tenho de me habituar a isso” afirmou na entrevista telefónica que concedeu ao jornal português.

 

Leia aqui na íntegra a entrevista de Luaty Beirão

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.