MoçambiquePolítica

Presidente moçambicano visita sede da União Europeia

Leya

 

Durante dois dias, a partir do dia 21 de Abril, o presidente moçambicano, Filipe Nyusi, vai visitar Bruxelas – sede da União Europeia. Durante essa deslocação, estão previstas conversas com os titulares das principais instituições europeias sobre a crise política e económica que Moçambique atravessa neste momento.
A deslocação ficou confirmada em Fevereiro, durante a visita da alta representante da UE para Assuntos Externos e Política de Segurança, Federica Mogherini, a Maputo, quando alertou que a instabilidade política em Moçambique ameaça os sucessos alcançados nas últimas décadas.
Sabe-se que até ao momento, na agenda do chefe de Estado, estão previstos encontros com o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, e Federica Mogherini, com o presidente do Parlamento Europeu, Martin Schulz, e ainda com presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk. Essa visita surge numa altura em que o maior partido da oposição, Renamo, clama por uma mediação do conflito político-militar por parte da União Europeia.
A União Europeia é um dos principais parceiros de Moçambique e o próximo programa de apoio prevê um financiamento de 734 milhões de euros até 2020, com foco no fortalecimento do Estado de direito e rigor das finanças públicas.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.