AngolaBrasilCulturaPaíses

“Angola”: curta-metragem apresenta as nuances do Kuduro ao público brasileiro

(Imagem: Reprodução Noize)

Angola é um país muito forte e o povo angolano tem uma identidade única no jeito de se vestir, se expressar. É tudo tão verdadeiro, tão vivo, uma auto-estima tão envolvente, que é impossível ficar alheio”.

É assim que Silva traduz em palavras o que sentiu quando encarou o kuduro pela primeira vez. Mas palavras não são suficientes, por isso, decidiu retratar no curta-metragem “Angola” a magia desta dança.

As imagens foram captadas em novembro do ano passado, quando o cantor esteve em Luanda para gravar o videoclipe da sua música “Volta”, que faz parte do seu último álbum, Vista pro Mar. O cantor não demorou para se maravilhar com o movimento das danças africanas, em especial com o kuduro.

Com ares de documentário, o filme mescla imagens das pessoas dançando nas ruas e festas com depoimentos do músico brasileiro.

A dança é realmente uma assinatura de Angola” – explica, após revelar que se surpreendeu ao pesquisar sobre as origens do ritmo e descobrir que teria sido criado com inspiração nos movimentos de Jean-Claude Van Damme numa cena do filme “Kickboxer”.

Lembro que vi uma criancinha de cinco anos dançando como eu nunca vi uma criança fazer antes. Eu poderia passar a vida toda tentando, que nunca dançaria que nem aquele garoto“, revela em um dos depoimentos.

Produzido por Silva e William Sossai, o filme mostra a rotina no centro da capital angolana, dançarinos de kuduro nas ruas e nas festas, incluindo depoimentos de alguns dançarinos.

O curta-metragem já está disponível no YouTube, confira:

Assista também ao clipe de “Volta”, gravado em Angola:

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.