CulturaPortugal

Está a decorrer nos Estados Unidos a maior mostra cultural dos países ibéricos

(Imagem: Reprodução Iberian Suites)

Começou hoje e vai decorrer até ao dia 24 deste mês o Iberian Suite: Global Arts Remix, um festival que decorre no Kennedy Center, em Washington D.C., a capital dos Estados Unidos da América, que é uma mostra de arte contemporânea e pretende divulgar o que de melhor se faz em Portugal e Espanha, ao nível de criação e produção artística.

Este ano o fado está em grande destaque e terá até direito a honras de abertura uma vez que o concerto que dará início ao festival está a cargo da portuguesa Carminho.

Ao longo do dia teremos ainda performances da companhia de dança brasileira Grupo Corpo e do saxofonista moçambicano Moreira Conguiça. Vários artistas oriundos dos países lusófonos e da américa latina foram convidados a participar no evento.

Do programa constam ainda nomes tão díspares quanto incontornáveis da cultura portuguesa, nas suas mais variadas ramificações como Camané, Rodrigo Leão, Diogo Infante, Luísa Sobral, The Gift, António Zambujo ou Vhils.

Em frente ao Kennedy Center está uma estrutura denominada Jangada de Pedra projetada pelos arquitetos Eduardo Souto de Moura e Siza Vieira.

Alicia Adams, a curadora do projeto, espera receber entre 200 e 400 mil espectadores e visitantes presenciais, número que poderá superar a barreira de um milhão, quando somados os visitantes e espectadores online.

Para ver a programação do festival na íntegra clique AQUI.

 

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.