EconomiaPortugalSociedade

Estão abertas as candidaturas para os prêmios de empreendedorismo da diáspora portuguesa

Estão abertas até fevereiro do próximo ano as candidaturas para a nova edição do Prêmio Empreendedorismo Inovador na Diáspora Portuguesa e do Concurso Ideias de Origem Portuguesa, que juntos formam a iniciativa FAZ.

 

Esta parceria decorre da convicção de ambas as entidades (COTEC Portugal e da Fundação Calouste Gulbenkian) na importância inequívoca da diáspora portuguesa, do valor do seu envolvimento e capitalização da riqueza das suas experiências, para o desenvolvimento de Portugal a nível económico, social e cultural”, referiu a nota que anuncia a nova edição dos concursos.

 

Clique pelas abas abaixo para saber como participar:

 

Empreendedorismo Inovador na Diáspora Portuguesa
O Prêmio Empreendedorismo Inovador na Diáspora Portuguesa pretende distinguir publicamente cidadãos portugueses que se tenham destacado pelo seu papel empreendedor e inovador no meio empresarial, mas também social ou cultural, no contexto das respetivas sociedades de acolhimento, onde se encontrem há mais de cinco anos.

 

Clique AQUI para se inscrever no Prêmio Empreendedorismo Inovador na Diáspora Portuguesa

 

São destinatários do prêmio cidadãos portugueses que, na data da candidatura, residam no estrangeiro há mais de cinco anos. As candidaturas estão abertas até dia 29 de fevereiro de 2016, através deste website.

Ideias de Origem Portuguesa
Encontrar projetos de empreendedorismo social que façam a diferença nas áreas do ambiente e sustentabilidade, do diálogo intercultural, do envelhecimento e da inclusão social é o propósito do Concurso Ideias de Origem Portuguesa, criado em 2010 pela Fundação Calouste Gulbenkian.

 

De acordo com a nota, para participar do concurso basta constituir uma equipa que integre um cidadão português ou lusodescendente residente no estrangeiro e submeter um vídeo ilustrativo da ideia que se propõe.

 

Clique AQUI para se inscrever no Concurso Ideias de Origem Portuguesa

 

No valor de 50 mil euros, o prêmio deste concurso de ideias de empreendedorismo social dirigido à diáspora portuguesa é inteiramente destinado ao financiamento dos projetos, sendo 25 mil euros atribuídos ao vencedor, 15 mil euros ao segundo lugar e 10 mil euros ao terceiro.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.