AngolaEconomiaPolítica

Governo angolano desmente que a ajuda do FMI seja um resgate

Leya

 

Em comunicado o Ministério das Finanças angolano retificou as notícias veiculadas ontem, que davam conta de que o país seria resgatado pelo Fundo Monetário Internacional.

 

O Governo angolano esclareceu que iria beneficiar de um Extended Fund Facility, ou em português, Programa de Financiamento Ampliado, que nada mais é que um instrumento financeiro direcionado a reformas estruturais voltadas para a diversificação da economia, reforço da balança de pagamentos, com propósito cimeiro de fortalecer os pilares da sustentabilidade da economia a médio prazo.

 

Os representantes angolanos negam qualquer semelhança entre o plano de ajuda que requisitaram ao FMI e os resgates económicos que a instituição financeira operou em países como Portugal, Grécia ou Irlanda.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.