BrasilCulturaMoçambique

Moçambicano Marcos André ganha prémio literário no Brasil

Leya

 

O poeta e escrito moçambicano Marcos André  ganhou o prémio Buriti na categoria de conto. Esta foi a sétima edição do prémio, a qual foi dedicada ao Dr. Jobal Do Amaral Velosa, bem como à busca “jovens” escritores que se encontram no anonimato.

 

A viver atualmente na Rússia, o vencedor caracteriza-se como um indivíduo desprovido de descrição acabada, dono de uma personalidade inconstante e carácter forjado na inconvencionalidade, com uma alma do mundo – uma criatura cuja identidade nunca se revela.

 

Os textos vencedores são publicados em antologias, que posteriormente são disponibilizadas a escolas, universidades e bibliotecas brasileiras e de outros países de língua portuguesa.

 

No conto da sua consagração, Marcos apresentou a obra intitulada “Niassa: A penumbra do inferno”, que retrata uma viagem mística pelas terras do Xitega – Niassa.

 

O texto completo do conto vencedor pode ser lido no seu blogue de Marcos André.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.