Sustentabilidade

Startup portuguesa permite que até um pequeno apartamento gere sua própria energia

Os grandes painéis fotovoltaicos — que envolvem tempo, dinheiro e uma infinidade de cabos para serem instalados nos tetos —  agora são eletrodomésticos. É o que comercializa a startup portuguesa BeON — Unicórnio — vencedora do evento de empreendedorismo Big Smart Cities. A ideia é tornar a geração de energia solar prática e acessível a todas as casas e apartamentos.

 

Segundo o que o fundador Rui Rodrigues disse ao Observador,  “o retorno supera o dobro do investimento, o que é bastante melhor que os juros pagos pela banca”. Ou seja, o uso de painéis causa uma redução significativa nas faturas de energia elétrica, além de ser não poluente e ecológico, como é tendência.

O que é?

Kit Solar BeON, dobrável e prático. Imagem: BeON

O painel-eletrodoméstico chama-se Kit Solar BeON e contém, além do painel de 500W, dobrável, um cabo elétrico e um plug que se conecta a qualquer tomada. Ao ligar à tomada, que funciona em rede, a energia já é distribuída entre os outros eletrodomésticos conectados. Se quiser mais energia, é só acoplar outro kit, que é vendido no site da empresa por 800 euros.

 

No Smart Cities, a startup desenvolveu uma app para conectar Kits BeON pelo mundo, o que pode gerar uma lógica de cooperação alterando a forma de se pensar energia. Por exemplo, se o inverno em Bragança, Portugal, não der condições de produzir energia em sua casa e, na casa dos seus pais, no Rio de Janeiro (onde bate facilmente os 40º, pois será verão), estiver sol, a energia produzida no Rio pode ser usada em Bragança, diminuindo o gasto nas duas casas.

 

A BeON  — fundada em 2015, mas que desenvolve o projeto desde 2009 — vai abrir uma fábrica em Ponte de Sôr (Portugal), onde serão produzidos conversores e Kits. Mas a estratégia de internacionalização já se iniciou, com escritórios na Holanda e na Irlanda. Já existem mais de 10 grandes empresas do setor elétrico que comercializam as soluções da BeON, incluindo a EDP.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.