BrasilCulturaUncategorized

Poesia: O canto da vida

Leya

 

Porque nem só de notícias vive o homem. Um pouco de poesia para celebrar a vida. Uma singela homenagem a uma avó do coração que aos 94 anos acorda todos os dias mais radiante e feliz do que o dia anterior. Uma pessoa inspiradora, que usou o tempo a seu favor para aprender a genuinamente ser feliz.

 

O CANTO DA VIDA

 

Nessa vida não se vive só de encantos,
Nem só de cantos, nem assim tanto,

 

Mas de que vale a vida sem
a lágrima escorrida,
o abraço apertado,
o nosso amigo e Deus ao lado

 

Não se vive assim tanto,
mas esse nem tanto é tanto…

 

Nessa vida não se vive só de encantos,
Mas é de encantos que a vida vive,
E se felizes ou tristes,
Proclamamos com o dedo em riste:
Queremos é viver!

 

Nessa vida não se vive só de encantos,
Mas se são tantos,
é porque sabemos viver.

 

E saber viver é como um canto.
Com melodia e paixão
ritmo e coração.

 

No fim, é pura gratidão.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.