PaísesPortugal

Red Bull Cliff Diving levou os melhores saltos do mundo aos Açores

(Imagem: Reprodução Red Bull Cliff Diving)

O arquipélago português dos Açores voltou a ser o palco, pela quarta vez consecutiva, do Red Bull Cligg Diving, o maior evento de saltos para a água em ambiente natural do mundo. O campeonato foi realizado no ilhéu de Vila Franca do Campo, em São Miguel, que é classificado desde 1983 como reserva natural.

(Imagem: Reprodução Red Bull Cliff Diving)
(Imagem: Reprodução Red Bull Cliff Diving)

Os vencedores da 5ª etapa do evento foram: o britânico Gary Hunt (divisão masculina) e a norte-americana Cesilie Carlton (divisão feminina) que estreou em Portugal.

Gary Hunt somou um total de 471,80 pontos o que lhe permitiu ficar em 1º lugar na final da prova, que decorreu no sábado passado (dia 18). O mexicano Jonathan Paredes ficou em 2º lugar com um somatório de 450,90 e em 3º o norte-americano Andy Jones que obteve 421,90 pontos.

Já na competição feminina a vencedora Cesilie Carlton foi a surpresa da prova e sagrou-se campeã na primeira vez em que o circuito feminino passou pelos Açores, com uma pontuação de 224,30. Adriana Jimenez, mexicana ficou em 2º lugar com um somatório de 222,80 e em 3º ficou a norte-americana Ginger Huber com 207,25 pontos.

O Red Bull Cliff Diving é um campeonato mundial em que os mergulhadores saltam de 26 e 27 metros (respetivamente feminino e masculino) de altura, com a obrigatoriedade de chegar à água num espaço de tempo de três segundos, chegando a atingir velocidades de 90 quilómetros por hora.

Saiba mais sobre o campeonato e o quadro de juízes aqui.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.