BrasilEconomia

Universidade brasileira cria primeiro táxi autônomo da América Latina

(Imagem: Reprodução Isaebrasil)

Pesquisadores do Instituto de Ciências Matemáticas e de Computação (ICMC) e da Escola de Engenharia da USP (Universidade de São Paulo) estão a realizar testes bem sucedidos de um táxi autônomo. O projeto foi batizado de Carina: Carro Robótico Inteligente para Navegação Autônoma.

O automóvel dotado de sensores e um sofisticado GPS, é capaz de transportar as pessoas, por enquanto apenas dentro do campus da universidade, sem a necessidade de um motorista. 

Um dos diferenciais do automóvel autônomo da USP em comparação com outros desenvolvidos no mundo é o uso de mapas contínuos.

– Os mapas contínuos permitem que o caminhão que desenvolvemos opere mesmo em situações em que não há faixas bem demarcadas na via, como estradas de terra, ou até mesmo na ausência de sinalização de trânsito. Nesse sentido, nosso projeto é mais adequado para a nossa realidade local – afirmou Denis Wolf, professor do ICMC e coordenador do projeto.

Segundo os idealizadores, num futuro próximo será possível chamar um taxi por um aplicativo no smartphone e um carro autônomo ir buscar o passageiro e levar até o destino sem a intervenção de um motorista.

A demonstração pública do automóvel deverá ocorrer em outubro.

As informações são da Agência FAPESP. Leia aqui a matéria completa. 

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.