BrasilCulturaGuiné-BissauPortugal

Vem aí a 5ª edição do Festival Literário de Macau

Leya

 

Prevista para decorrer de 5 a 19 de Março, a 5ª edição do Festival Literário de Macau traz como temática “Rota das Letras”.

 

Este ano o festival vai homenagear dois autores com uma forte ligação a Macau, o poeta português Camilo Pessanha, e Tang Xianzu, dramaturgo do século XVI, que escreveu a peça “Pavilhão das Peónias”.

 

Ao longo de 15 dias vão ainda passar por Macau mais de 40 convidados, da Irlanda, Austrália, Espanha, País de Gales, Suécia, Filipinas e Estados Unidos da América, além dos países lusófonos – este ano, Portugal, Brasil e Guiné-Bissau – e também da China Continental, Taiwan, Hong Kong e Macau.

 

Este é um festival que foi fundado em 2012 pelo jornal PONTO FINAL, tornando-se desde então um encontro relevante de literatos da China e dos Países de Língua Portuguesa.

 

O festival vai trazer a Macau dois cineastas portugueses: Luís Filipe Rocha, que adaptou o livro de Henrique de Senna Fernandes, “Amor e Dedinhos de Pé” ao cinema, e Sofia Marques, autora de documentários bastante premiada. José Pacheco Pereira, Pedro Mexia, Ricardo Adolfo, Paulo José Miranda, Matilde Campilho são alguns dos autores portugueses em destaque.

 

O premiado autor brasileiro Luiz Ruffato também estará entre nós, assim como Marcelino Freire, Carol Rodrigues e Felipe Munhoz. A Guiné-Bissau assinalará a primeira presença no Festival com a vinda de Ernesto Dabó, que se espera revelar ainda os seus dotes musicais.

 

Os cineastas locais terão também uma presença forte na edição deste ano. Tracy Choi, Emily Chan e Cheong Kin Man vão juntar-se à “Rota das Letras”, apresentando produções da sua autoria.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.