DestaqueMundoSaúde

A cura para o cancro pode ter sido descoberta por acidente… e reside na malária!

Custa acreditar, não custa? Pois, nós percebemos, mas é o que afirmam cientistas dinamarqueses. Na verdade não só afirmam, como já têm estudos publicados sobre o assunto e só esperam autorizações legais para começar a testar a sua descoberta em pacientes humanos.

Os investigadores faziam experiências numa tentativa de proteger as mulheres grávidas que sofrem de malária. Ao analisarem os resultados de algumas dessas experiências, perceberam, quase sem querer, que a proteína da Malária ataca células cancerígenas.

Entusiasmados com a sua descoberta mudaram completamente o âmbito da sua investigação, e em experiências já para pôr à prova esta nova constatação, combinaram uma parte da proteína que é usada na vacina contra a malária com uma toxina, e injetaram a solução em células cancerígenas. Resultado: as células morreram.

Já foram efetuadas experiências em várias células e em ratos com cancro e os resultados foram sempre positivos. Os resultados dos estudos já se encontram publicados na revista científica especializada Cancer Cell.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.