BrasilSociedade

Coletivo brasileiro lança rede social de aprendizagem colaborativa

O coletivo brasileiro Desabafo Social lançou esta semana a mais nova rede social: Ubuntu. Ubuntu é uma expressão idiomática da língua Zulu que é traduzida para o português como “du sou porque nós somos”. Na crença de que somos mais quando estamos unidos (com uma unidade), a rede colaborativa foi criada com o intuito de conectar pessoas, ocupar espaços, estabelecer uma rede de relacionamento com foco nos direitos humanos, sobretudo na participação social e política.

 

– Sabemos que a situação de muitos outros projetos é difícil. Falta comunicação, sinergia e meios para que possam crescer. O Ubuntu nasce para diminuir essas dificuldades criando espaços colaborativos – explica Monique Evelle, Diretora de Inspiração e Fundadora do Desabafo Social.

(Imagem: Divulgação Ubuntu)
(Imagem: Divulgação Ubuntu)

Criada para facilitar a organização e o desenvolvimento de iniciativas na área de Educação, Comunicação Relações Raciais, Direitos da Infância e da Juventude, Gênero e áreas afins, a nova rede social é aberta para qualquer pessoa. Asim como as redes sociais mais famosas, o Ubuntu serve para conectar pessoas, porém com foco na colaboração e multiplicação de ideias. A rede social de aprendizagem colaborativa permite:

 

– Cocriação de conteúdo através da wiki

 

– Biblioteca Online a partir dos links úteis

 

– Divisão de tarefas

 

– Calendário

 

Desabafo Social é um coletivo que nasceu do desejo de transformar a realidade por meio de ações estruturadas e intencionais, sempre trabalhando com educação e comunicação em direitos humanos, fortalecendo a participação juvenil.

 

Leya

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.