DesportoEducaçãoSaúdeSociedadeTimor-Leste

Pascoela dos Santos Pereira e Teófilo Freitas fazem história no desporto de Timor-Leste

Os dias 10 e 12 de Outubro de 2018 vão ficar para sempre gravados na História do desporto timorense.

 

Foi nessa data que os atletas Pascoela dos Santos Pereira e Teófilo Freitas conquistaram as primeiras medalhas de sempre do país numa competição internacional, os Asian Para Games (os jogos paralímpicos asiáticos) cuja terceira edição se realizou em Jacarta (capital da Indonésia), entre 6 e 13 de Outubro, tendo reunido cerca de 3000 atletas de 43 nações divididos em 18 modalidades.

 

Pascoela dos Santos Pereira inaugurou esse feito singular quando, no dia 10 de Outubro, conquistou a medalha de bronze no ténis de mesa por 3-0 (parciais de 11-6, 11-3 e 11-9) frente à sul-coreana Lee Kunwoo, tornando-se a primeira atleta distinguida com uma medalha internacional na história do desporto de Timor-Leste.

 

 

Teófilo Freitas, no dia 12 de Outubro, também registou o seu nome na memória do atletismo timorense. E logo com um recorde sem precedentes: ganhou duas medalhas de ouro na provas dos 400 e 1500 metros. Na primeira prova, alcançou  um novo tempo de 53,14 segundos e ultrapassou, deste modo, a antiga marca do recorde asiático, estabelecida nos 53,44 segundos. Na segunda prova, bateu os atletas  Surasaj Damchoom (Tailândia) e Ali Rsaitmawi (Iraque), com um tempo de 4 minutos e 32,74 segundos.

 

 

Perante estas conquistas inéditas e depois de ter saudado os novos heróis nacionais, o presidente da República timorense, Francisco Guterres Lu-Olo, apelou ao Governo que lidera um maior investimento da prática do desporto no país (principalmente ao nível das escolas), pretendendo melhorar os padrões de saúde pública da população, promover a actividade física e desenvolver mais políticas que apelem à igualdade e à inclusão sociais.

 

 

Francisco Guterres Lu-Olo propõe a criação de novas infraestruturas e de programas de formação de professores e treinadores especializados nas várias modalidades desportivas. Refira-se ainda, neste contexto, o trabalho dinamizado pela Universidade Nacional Timor Lorosa (UNTL), que tem sustentado um bacharelato em Educação Física desde 2010.

 

 

PS: o autor deste artigo obedece às regras do antigo acordo ortográfico

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.