BrasilEconomiaPaíses

Exemplo: Empreendedor brasileiro tetraplégico gere seu negócio apenas com movimentos da cabeça

(Imagem: Reprodução informatizado)

Manuel José de Trindade Neto, é um paulista tetraplégico de 31 anos que gere todo o seu negócio só com os movimentos da cabeça e controlo (controle) de voz. Depois de perder os movimentos dos braços e das pernas num acidente de mota (moto), o empreendedor, sentindo que precisava de fazer algo que lhe ocupasse o tempo e que pudesse render algum dinheiro para viver, encontrou uma oportunidade de comprar uma franquia online de vendas de camisolas (camisetas) personalizadas.

Neto, como é conhecido, criou então o seu próprio site (Nerd Fashion), e gere o mesmo através do seu computador em casa usando três programas para trabalhar: um deles é uma câmara (camera) com um sensor que capta o movimento da cabeça como se fosse um rato (mouse) de computador, os outros dois softwares, de edição e criação, convertem o som da fala para texto. Assim consegue realizar todos os trabalhos de gestão necessários para o seu negócio.

(Imagem: Reprodução Nerd Fashion)
(Imagem: Reprodução Nerd Fashion)

Neto trabalha para a rede de Camisetas da Hora em Ribeirão Preto (313 quilómetros a norte de São Paulo) e a sua função é manter a página atualizada, divulgar os produtos, tirar dúvidas de clientes e passar os pedidos para a franqueadora, que é a responsável pela produção e envio das camisolas personalizadas.

O empreendedor afirma estar a vender em média 500 camisolas por mês o que lhe dá um faturamento entre R$20.000 e R$22.000, rendendo-lhe assim um lucro entre R$5.000 e R$6.000. “Com esse dinheiro, consigo pagar minhas despesas médicas e ainda sobra um pouco para o lazer” – declarou em entrevista ao portal Uol.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.