PolíticaTimor-Leste

Milhares de pessoas protestam em Díli junto à embaixada da Austrália devido às fronteiras marítimas

Leya

 

Mais de dez mil  pessoas estiveram reunidas em Díli, capital de Timor-Leste, em frente à embaixada da Austrália, naquela que foi a maior manifestação que o país já viu depois da independência.

 

A manifestação foi organizada pelo Movimento Contra a Ocupação do Mar de Timor, um grupo de ativistas composto, sobretudo, por estudantes e antigos militares da resistência timorense.

 

O motivo do protesto é a inflexibilidade demonstrada pelo Governo de Camberra para negociar as fronteiras marítimas com Timor-Leste, e a insistência no atual acordo de partilha de recursos no Mar de Timor, que, segundo estes, viola o direito marítimo internacional.

 

Os manifestantes tinham intenções de se reunir com o embaixador australiano, mas não viram o seu pedido ser atendido.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.