PaísesPolítica

Presidente da Guiné Equatorial dissolve o Poder Judicial

(Imagem: Reprodução PBS)

 

Teodoro Obiang, o Presidente da Guiné Equatorial que conserva o poder desde 1979, destituiu todos os juízes do Supremo Tribunal, apenas um mês depois de ter remodelado o governo, eleito por larga maioria há três anos e que não chegou a terminar o mandato.

A justificação para o ato não é ainda clara. O decreto que anunciou a decisão nada tinha de explicativo quanto à motivação do Presidente para o ato, na verdade, lia-se apenas “Por conveniência de serviço e no uso das faculdades que a Lei Fundamental do Estado me confere, decido a dissolução total do Poder Judicial”.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.