CulturaPaísesPortugalTurismo

Bairros Históricos de Lisboa são candidatos a património da Unesco

(Imagem. Reprodução Static Flickr)

 

Lisboa poderá tornar-se ainda mais relevante em termos de património de interesse universal, informa o vereador do Urbanismo da Câmara Municipal de Lisboa, Manuel Salgado, ao anunciar que vai sujeitar à apreciação da UNESCO, todos os bairros tradicionais da cidade, na categoria de paisagens urbanas históricas.

A proposta só poderá ser feita a partir de Fevereiro de 2018, uma vez que Portugal integra o Comité de Património da UNESCO até 2017, o que o impede de se candidatar mais cedo.

O autarca afirmou que até 2018 vai haver um plano de intervenção nestas zonas históricas, mas que os trabalhos de recuperação e de restauração, serão postos em marcha, ainda neste mandato.

A área a ser intervencionada compreende a zona baixa e central da cidade, que inclui as principais ruas dos bairros lisboetas como as ruas Áurea, Augusta e a dos Fanqueiros, entre outras, tal como as praças do Rossio, da Figueira e do Comércio. A zona alta e a zona ribeirinha também serão abrangidas, assim como o Chiado, a Ocidente e a zona confinante com a Rua de São Mamede.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.