MoçambiqueSociedade

Drama da Palestina retratado em exposição fotográfica em Maputo

Leya

 

Trata-se de um conflito secular que persegue as gerações da Palestina que reclamam em Israel não apenas a terra, mas a dignidade que todo o ser humano deveria merecer. Retratos desta guerra foram apresentados na maior e mais antiga universidade moçambicana (Eduardo Mondlane), numa exposição fotográfica contendo imagens que falam por si.

 

São dezenas de fotografias chocantes que mostram sem censuras as atrocidades e a tortura a que estão expostas milhares de pessoas que herdaram de seus ancestrais a guerra pela terra. Nos corredores desta instituição de ensino, estudantes, docentes e curiosos dedicam alguns minutos ao passar pela mostra para olhar atentamente a algo que espanta a vista pelo cariz violento e sangrento do que as imagens retratam.

 

A exposição foi acompanhada da exibição de um filme “Roadmap Apartheid”, um documentário que aborda questões de discriminação étnica e racial vivida em África, concretamente na África do Sul e actualmente em Israel relacionados ao movimento do Apharteid.

(Imagem: Divulgação Embaixada Palestina em Maputo)
(Imagem: Divulgação Embaixada Palestina em Maputo)

O embaixador da Palestina em Moçambique, Fayez Jawad, em entrevista à Conexão Lusófona, disse que esta acção se enquadra no âmbito do Dia Internacional da Solidariedade com o Povo Palestino, que se aproxima. Esta foi uma forma encontrada pela embaixada para retratar o drama que se vive no seu país.

 

– O motivo desta exposição é mostrar o sofrimento do nosso povo que sofre humilhação pela causa da ocupação israelita que tortura o nosso povo. Escolhemos esta universidade porque há aqui novas gerações que não tem informação suficiente sobre a causa da Palestina. Estas imagens reflectem o sofrimento passado por homens, mulheres e crianças que vêem suas casas são destruídas injustamente. É uma forma de pedir o apoio ao povo moçambicano que sempre apoiou a Palestina, para que as gerações mais novas possam saber disso – afirmou o embaixador.

 

As imagens resultam de fotos feitas por jornalistas que registaram os momentos críticos de episódios conflituosos entre as partes envolvidas.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.