BrasilPaísesPolítica

Lula da Silva está a ser investigado por suspeitas de corrupção

(Imagem: Reprodução Vive Lo Hoy)

 

O Ministério Público do Brasil abriu um inquérito inicial ao ex-Presidente do Brasil, Lula Inácio da Silva, por suspeitas de estar envolvido num processo de tráfico de influências no Banco Nacional de Desenvolvimento Económico e Social.

 

O processo foi instaurado com base em investigações levadas a cabo por órgão de comunicação social.

 

Alegadamente o anterior Presidente da nação verde e amarela, atuou de forma a que o banco investisse em obras internacionais da construtora Odebrecht, inclusivamente em Angola. A construtora é ainda suspeita de ter pago viagens a Lula da Silva, já depois do fim do seu mandato e de ter recebido 1.600 milhões de dólares em financiamentos depois disso.

 

O Instituto Lula da Silva emitiu um comunicado no qual se defendeu das acusações, no qual refere que todas as viagens do antigo Presidente são divulgadas na sua página na internet e comunicadas à imprensa.

 

“No caso de atividades profissionais, palestras promovidas por empresas nacionais ou estrangeiras, o ex-Presidente é remunerado, como outros ex-Presidentes que fazem palestras” lia-se no comunicado do Instituto.

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.