AngolaCultura

Mbanza Congo é Património Mundial da Humanidade

Leya

A candidatura de Mbanza Congo conquistou a votação unânime dos membros do Comité do Património Mundial, tornando assim a primeira validada no país por aquela Organização da ONU para a Educação, Ciência e Cultura.

(Imagem: Reprodução
Ministerio da Cultura Angola
)

 

Essa província do Zaire, situado no norte de Angola, fora em tempos passados, com um grande historial, tendo sido a capital do estado mais poderoso da região austral de África, influenciando económica e politicamente muitos outros Estados vizinhos na altura.

 

 

Facto que o fez merecer a distinção como património histórico nacional, por ser a cidade mais antiga. Mbanza Congo além de ser o primeiro Centro Histórico Nacional angolano, por existir grande lista de bens que pertencem à história de Angola, torna-se agora também a primeira inscrição de Angola na lista dos patrimónios mundiais da humanidade.

(Imagem: Reprodução
Portal de Angola
)

Uma candidatura de sucesso que começou a ser  pensada em 1988, com o lema “Mbanza Congo, cidade a desenterrar para preservar”, a cronologia demonstra bem como foi a jornada.

 

A Unesco, recomenda maior aprofundamento para identificação de outros locais e pontos do interesse do antigo Reino do Congo e da rota dos escravos de África para a América, “com potencial” para ser inscrito na lista de património mundial.

 

A antiga cidade “São Salvador de Congo” é a partir de hoje uma referência mundial de Angola para o mundo.

(Imagem: Reprodução
Ministerio da Cultura Angola
)

Sem comentários

Deixe-nos a sua opinião

O seu endereço de email não será publicado.

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.